jump to navigation

Último trailer de Space Battleship Yamato 26/12/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , ,
7 comments

Para quem curtia um desenho animado japonês chamado Patrulha Estelar, exibido pela extinta Rede Manchete, nada poderia ser melhor do que saber que foi feito um filme baseado no desenho.

E a alegria fica maior quando a gente vê um trailer que mostra cenas que parecem remeter à animação, mas com a tecnologia e os recursos de hoje, além de atores bastante à vontade em seus papéis (pelo menos no que deu pra ver até agora).

Bom, a estreia do filme se deu em 1 de dezembro, lá no Japão, como relatou em seu endereço do Twitter o editor Tom Brevoort, da Marvel, que foi à premiére (sortudão). Ainda não há notícias de que alguma distribuidora criou coragem pra trazer a produção pra cá. Uma pena!

Curta o novo trailer e depois acesse ao site da produção.

Tem também a canção-tema, cantada por ninguém mais que Steven Tyler, do Aerosmith, conhecido da galerinha por ter feito uma outra música, junto de sua banda, para outra produção que se passava no espaço: Armageddon. Dá uma conferida aí:

Anúncios

Os Mercenários – clichê que diverte 13/08/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
add a comment

Finalmente estreia o filme de ação Os Mercenários (The Expendables, no original), escrito, dirigido e protagonizado por um dos maiores astros das películas de ação dos anos 80: Sylvester Stallone.

Consagrado internacionalmente justamente por esse estilo de produção, Sly volta às suas raízes nesse longa-metragem, arregimentando diversos astros ligados ou não à sua época de ouro, mas todos com algo em comum: atores de filmes de ação.

Estão lá Jet Li (que veio a ser reconhecido mundialmente depois de participar de Máquina Mortífera 4, apesar de já ter uma extensa carreira em sua terra natal), Dolph Lundgren (descoberto em outro filme estrelado por Stallone, Rocky IV), Terry Crews (ex-jogador de futebol americano, intérprete do pai do personagem principal da série Todo Mundo Odeia o Chris, além de ter feito parte de Gamer e Exterminador do Futuro: A Salvação), Randy Couture (lutador de vale-tudo, participou de O Escorpião-Rei 2), Steve Austin (astro da luta livre, visto no filme Os Condenados), Mickey Rourke (A Colônia, Homem de Ferro 2) e Jason Statham (Carga Explosiva e Adrenalina, entre outros).

Sem contar o próprio Stallone, além de Bruce Willis (Duro de Matar) e o hoje governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger (Conan, Comando para Matar, Exterminador do Futuro… hã, preciso continuar mesmo?), em participações especiais que fazem um sorriso se abrir no rosto do espectador.

Mas vamos direto ao filme e seus clichês, ok?

Tem explosões pra todos os lados, um ditador imbecil que demonstra sérios sinais de loucura, um ex-agente federal americano canalha até não poder mais, a ex-namorada que apanha de um novo companheiro e precisa ser defendida, a luta contra um amigo, perseguições, muitas lutas e pancadaria, uma bela mulher que precisa ser salva, a honra que necessita ser resgatada, a redenção por meio de um ato nobre, frases de efeito em horas de perigo, piadas sem graça que só podiam estar num filme desses, a trágica história de um dos integrantes do grupo…

Enfim, tudo o que se espera. Logo, se seu objetivo é assistir a um filme sem muitas pretensões, esse é o escolhido. Os Mercenários tenta evocar o clima dos anos 80, apelando pra tudo de bom e ruim das produções de ação da época, amparado pela tecnologia dos dias atuais.

Como atrativo extra, tem a participação da atriz Giselle Itié, que se torna a principal razão da mudança de comportamento de Sly e seus colegas soldados da fortuna. Ah, sim, uma parte do filme foi rodada numa cidade do Rio de Janeiro, mas fazendo as vezes de republiqueta latino-americana. E é engraçado como o ditador e seu exército parecem com o venezuelano Hugo Chávez e seus soldados.

Os Mercenários é um filme de homens para homens. As lutas são excepcionalmente bem coreografas, e as explosões e mortes, quando ocorrem, fazem o público vibrar. É algo com que Sylvester Stallone já tinha obtido êxito em Rambo 4.

O resultado é um filme que diverte no que se propõe, sem ter como objetivo querer ser um  longa memorável. O que importa mesmo é se o espectador ficará satisfeito ao final. E isso com certeza ele consegue. Ponto para Stallone e seus amigos.

A Origem – Chris Nolan acerta de novo 05/08/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , , , , , , , , , ,
5 comments

Estreia amanhã o filme A Origem (Inception), escrito e dirigido por Christopher Nolan (Batman – O Cavaleiro das Trevas, Amnésia), o qual alega ter desenvolvido o conceito do longa-metragem faz uns 10 anos, e que só botou a mão na massa quando se julgou experiente o suficiente pra dirigi-lo.

Nas últimas semanas, pipocaram comentários de que Nolan teria se baseado numa história do Tio Patinhas, criada pelo veterano desenhista Don Rosa, publicada em 2002 na Noruega, nos EUA em 2004, e no Brasil em 2003 e 2009. Nela são apresentados elementos como pessoas invadirem os sonhos de outros em busca de informações e dos invasores usarem totens pra ligá-los à realidade, assim como no filme.

Se isso foi uma coincidência, é mais um ponto pro consagrado roteirista de quadrinhos Alan Moore (Watchmen, Monstro do Pântano), que disse certa vez que as ideias existem num limbo que pode ser acessado simultaneamente por diversas pessoas. Então, nem sempre seria plágio quando dois ou mais criadores têm a mesma ideia ao mesmo tempo.

No entanto, nada descarta a possibilidade de que Nolan tenha lido a HQ do Tio Patinhas em questão, inspirando-se nela pra criar o seu filme. Se foi assim, não diminui o valor da produção, já que, em tempos passados, Steven Spielberg e George Lucas admitiram ter se inspirado numa cena de uma aventura do pato muquirana pra criar uma sequência de Indiana Jones e os Caçadores da Arca Perdida.

Mas vamos voltar ao filme, que é o que interessa de verdade.

A Origem já começa com uma cena bem surreal e inquietante, a qual terá sua explicação no decorrer da projeção.

Em seguida, corta pra outro ambiente estranho e perigoso, em que ocorre uma reviravolta que expõe ao espectador um universo construído sobre camadas. E esta é uma das grandes sacadas do filme: não existe apenas um sonho!

Falar mais estragaria ótimos momentos, então tenho que me conter aqui. Porém, esteja preparado pra mergulhar num filme bem complexo, com uma trama que exige bastante atenção. Não é tão difícil de entender como críticos e fãs estadunidenses têm declarado. Na verdade, se você se atém aos detalhes e à trama, não ficará perdido como eles dizem ter ficado.

Já que não posso falar muito sobre o desenvolvimento da trama, basta apenas saber que o ator Leonardo DiCaprio e seus companheiros fazem parte de um grupo treinado pra entrar nos sonhos de outras pessoas e roubar informações secretas. Mas tudo muda quando um cliente solicita que eles plantem uma ideia na mente de um concorrente. Aí, a coisa degringola de vez. Sorte do espectador!

Perseguições alucinantes, cenários oníricos, lutas espetaculares, efeitos especiais de fazer cair o queixo… tudo isso você encontra em A Origem. Dá a impressão de que você vai ter um enfarte a qualquer momento, devido a tanta tensão e adrenalina que irrompem da tela. Há momentos em que o desespero toma conta, à medida que o filme avança, fazendo com que as unhas deixem de existir rapidamente.

Todos os atores estão muito bem, e, como de costume, Nolan reuniu um grupo com quem já trabalhou uma vez ou outra, o que traz a quem assiste uma sensação de familiaridade, de segurança até…

Na trilha sonora, Hans Zimmer não deixa nada a dever a outras produções de que participou. No entanto, em muitos momentos parecem ecoar acordes de Batman Begins e O Cavaleiro das Trevas. Não é ruim, mas eu, por exemplo, ficava lembrando de cenas do segundo filme do Morcegão, com o Coringa em cena.

A propósito, tem gente que vai achar que Nolan copiou Matrix. Apesar de premissas que parecem semelhantes, ambos são muito distintos. Entretanto, algumas cenas chegam a lembrar a produção de 1999, mas só. A semelhança acaba aí.

Pra concluir, o final te deixa com uma certa pulga atrás da orelha, mas se você prestou atenção até lá, então não ficará em dúvida como muitos alegaram. E só pra não esquecer: se a cada filme novo Nolan mostra um pouco de sua mente… cara, ele deve ser um pouquinho perturbado, não? Mas não dá pra negar a genialidade do sujeito.

Então, se está a fim de se divertir assistindo a um filme inteligente e com bastante ação, não perca A Origem! Enquanto isso, confira o trailer logo abaixo…

Novo trailer de Space Battleship Yamato 30/06/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , ,
5 comments

Lembra que em janeiro eu postei um teaser trailer da aguardada versão em live-action do saudoso anime Space Battleship Yamato (mais conhecido por aqui como Patrulha Estelar – e chamado de Star Blazers, lá nos Estados Unidos)?

Pois é, há alguns dias foi divulgado mais um trailer da adaptação cinematográfica. E agora o pessoal foi um pouquinho mais generoso, mostrando trechos de batalhas espaciais, bem como momentos de ação intensa com os principais personagens. Sinceramente, quase fiquei com lágrimas nos olhos.

Então, se está curioso, dê uma olhada no vídeo logo abaixo:

Space Battleship Yamato tem estreia prometida para o dia 1 de dezembro lá no Japão e aqui no Brasil, sendo que será exibido na rede de cinemas Severiano Ribeiro.

O longa é estrelado pelo cantor do grupo J-pop SMAP Takuya Kimura, fazendo o papel de Susumu Kodai (Derek Wildstar pra quem acompanhava o desenho pela extinta TV Manchete), e a bela modelo, atriz e cantora Meisa Kuroki, como Yuki Mori (ou Lola). O filme é dirigido por Takashi Yamazaki, que já foi premiado pela Japanese Academy Awards, em 2006.

Ah, não deixe de dar uma olhada no site oficial da produção. Tem até um cronômetro lá, marcando quanto tempo falta para a estreia do longa.

Que dezembro chegue logo, pelamordedeus! – e que eu não me decepcione com expectativas altas demais…

Presidente do Marvel Studios comenta próximos filmes 28/01/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , , , , ,
add a comment

A edição de março da SFX Magazine trouxe uma entrevista com Kevin Feige, o presidente do Marvel Studios, na qual ele fala sobre os futuros lançamentos. 

Feige falou sobre como Iron Man, Iron Man 2 (30 de abril), Thor (6 de maio de 2011) e The First Avenger – Captain America (22 de julho de 2011) prepararão o terreno para o que deve ser o maior filme de super-heróis da década: The Avengers (4 de maio de 2012).

 “É tudo diversão agora e nós estamos apresentando alguns novos personagens (em Iron Man 2), disse Feige à revista. “Mas não é só ficar enfiando um monte de gente nova. Esse é um dos pecados mortais das seqüências – ter personagens demais. Esta é uma história de Tony Stark, que vai se entrelaçar com a história do Thor e do Capitão América, e que já está enraizada com a história de Nick Fury e uma certa organização conhecida como SHIELD.”

Ele diz que o importante é focar em cada personagem. “Minha única preocupação é que quando lançamos uma franquia – qualquer que seja -, ela tem que conseguir se manter por conta própria. Então, quando The Avengers chegar em 2012, não será apenas um filme de super-heróis com um bando de caras com superpoderes. Serão cinco personagens (Homem de Ferro, Thor, Capitão América, Nick Fury e Hulk) que você já viu antes em outros filmes, aparecendo juntos pela primeiríssima vez.”

Feige também disse que não está fora de cogitação um segundo Incrível Hulk estrelado por Edward Norton. “Isso seria pós-Avengers, se acontecer… Acredito que há uma chance. Nossa intenção certamente é usar os mesmos atores de filme pra filme sempre que pudermos.”

O presidente do Marvel Studios foi questionado se será difícil mesclar a fantasia de Thor com o mundo tecnológico de Iron Man e The Avengers. “Não, porque estamos fazendo o Thor de Stan Lee, Jack Kirby, Walt Simonson e Straczynski. Não estamos fazendo um Thor de um velho livro sobre folclore nórdico. Nas histórias do Thor do Universo Marvel existe uma raça chamada de asgardianos e tem o lance de que nós estamos ligados à Árvore da Vida, da qual não temos consciência. É ciência de fato, mas não sabemos sobre isso ainda. O filme vai ensinar as pessoas sobre tudo isso.”

Perguntado sobre que outros personagens poderiam aparecer na tela grande após The Avengers, Feige disse que gosta de Doutor Estranho e que Homem-Formiga pode render uma boa história. Ele afirmou que sempre quis fazer algo com o Pantera Negra e também disse que o que os roteiristas Ed Brubaker e Matt Fraction fizeram com Punho de Ferro foi maravilhoso e que a mitologia do herói abre um novo leque de possibilidades. Por fim, Kevin Feige disse que gostaria de fazer um evento cósmico e que isso já existe no Universo Marvel nos quadrinhos.

Guy Ritchie abandona Lobo 27/01/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , ,
add a comment

O famoso produtor Joel Silver disse ao Los Angeles Times que Guy Ritchie não é mais o diretor da adaptação cinematográfica do endiabrado personagem Lobo.

Silver explicou que a Warner Bros. quer o diretor britânico focado na realização de uma sequência para o sucesso Sherlock Holmes, estrelado por Robert Downey Jr. e Jude Law.

“Não acho que vão fazê-lo [o filme do Lobo] agora”, disse. Questionado se depois que Ritchie ficasse livre voltaria à produção do filme baseado em HQ, Silver declarou que o longa deve prosseguir com um outro diretor.

 A adaptação para o cinema do personagem da DC Comics havia sido oficializada em setembro do ano passado. Mas é claro que com o êxito de Sherlock Holmes uma sequência seria inevitável. Agora resta aos fãs do czarniano mais boca-suja e casca-grossa do universo esperar para que alguma boa notícia surja logo.

Harry Potter: magia em 3-D 27/01/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
add a comment

A Warner Bros. divulgou que os dois próximos longas-metragens da franquia Harry Potter serão lançados em 3-D, numa clara referência ao “efeito Avatar” de inflar a bilheteria.

Porém, como ficou claro, o filme será convertido para 3-D, não tendo sido filmado desta forma. No processo de conversão, a inclusão dos efeitos tridimensionais é feita na pós-produção. O custo da conversão de um filme fica por volta de U$ 5 milhões. A Warner gastará mais U$ 5 milhões para fornecer os óculos 3-D às salas em que será exibido o longa.

Como todos devem saber, o último Harry Potter será dividido em duas partes. Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 estreia em 19 de novembro. A parte 2 será lançada em 15 de julho de 2011.

Numa notícia relacionada, a Warner também divulgou que o remake Clash of the Titans também será lançado em 3-D.

Franco e Dunst comentam reinício da franquia Homem-Aranha 22/01/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , , , ,
add a comment

Fonte: E! Online

Os atores James Franco e Kirsten Dunst, que interpretaram respectivamente Harry Osborn e Mary Jane Watson na trilogia Homem-Aranha, finalmente deram declarações a respeito do reinício da franquia pretendido pela Sony.

Franco disse que não vê problemas com isso. “Funcionou bem para o Batman, e os próprios quadrinhos têm diferentes escritores e artistas. Acho que é perfeitamente normal.”

No entanto, ele acrescentou que acredita “que deveriam dar um tempo para os espectadores (entre os filmes de Sam Raimi e Marc Webb), daí dá pra tirar todo mundo da cabeça.”

Dunst falou que é “triste ver tudo acabar. Eu acho que pro Sam chegou a hora de seguir adiante, e então nós todos seguimos com ele. Mas tivemos dez anos muito bons.”

De qualquer forma, fãs continuam aguardando ansiosos os desdobramentos envolvendo uma das mais lucrativas franquias baseadas em histórias em quadrinhos.

Todos esperam que, pelo menos, de tudo isso surja um bom filme. Seria muito chato que o idolatrado Homem-Aranha acabasse desaparecendo dos cinemas devido à burrice e ganância de algum estúdio.

Patrulha Estelar: o teaser do live action 22/01/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , ,
2 comments

Para quem era moleque e curtia animes na década de 1980, havia uma série que literalmente deixava todo mundo preso no sofá, roendo as unhas a cada episódio e quase enfartando à espera do próximo.

Bem, essa série era Patrulha Estelar (tradução do japonês Uchuu Senkan Yamato, e do inglês Space Cruiser Yamato – que depois foi alterado pra Space Battleship Yamato), uma verdadeira novela animada de ficção científica, exibida pela extinta TV Manchete entre os anos de 1983 e 1985.

Patrulhar Estelar contava as aventuras da tripulação de um cruzador espacial, na verdade, o encouraçado japonês Yamato, afundado durante a Segunda Guerra Mundial, adaptado pra incríveis missões no espaço. Os heróis da Yamato lutaram com diversas raças alienígenas, um cometa-cidade, e tiveram que descobrir um novo planeta para a humanidade.

O desenho teve trés séries televisivas e cinco especiais animados para o cinema. Agora, finalmente ganha uma versão em live action, que está prevista pra estrear em dezembro, no Japão.

O coração do nerd que digita estas linhas quase saltou da caixa quando viu o teaser, e um vestígio de lágrimas surgiu no canto dos olhos. Talvez não faça muita diferença pra você, mas pra quem assistia ao anime naquela época… cara, faz muita diferença! E quando começa a tocar aquela trilha… difícil não se emocionar…

Então, confira o teaser aí e depois me diz o que achou:

Red: fotos da adaptação com Bruce Willis caem na rede 21/01/2010

Posted by blogdolevitrindade in Cinema.
Tags: , , , , , , , , , , , ,
2 comments

Faz apenas alguns minutos que fotos da adaptação da HQ Red caíram na internet por meio do site The HSX Dude. Criada pelo roteirista Warren Ellis (Planetary, Surpreendentes X-Men) e desenhada pelo artista Cully Hamner (Batman: Pretérito Futuro), Red surgiu como uma minissérie em três edições no ano de 2003, pela WildStorm, um braço da DC Comics.

O filme é estrelado por Bruce Willis, Mary-Louise Parker, Ernest Borgnine, Morgan Freeman, Julian McMahon, Helen Mirren, Richard Dreyfuss, Karl Urban, Brian Cox e John Malkovich. A direção ficou a cargo de Robert Schwentke (Plano de Voo).

O longa mostra o ex-agente da CIA Frank Moses (Bruce Willis) obrigado a lutar por sua vida quando um novo diretor na agência de espionagem acredita que Moses tenha segredos demais guardados consigo e que é uma ameaça ao status quo. Perseguido por um assassino equipado com alta tecnologia, Frank venderá caro a sua pele, na esperança de encontrar o safado que mandou exterminá-lo.

Confira as fotos:

Red tem estreia prometida para o dia 19 de novembro de 2010, nos EUA.